O Tribunal de Justiça de São Paulo vai manter as atividades presenciais suspensas até o dia 14 de junho, com possibilidade de prorrogação desse prazo. Nesse período, parte das audiências de conciliação estão sendo feitas de forma virtual.