Dúvidas sobre finanças pessoais! Você tem?



Qual o melhor título público para investir?

10 de setembro de 2013

Olá
Sempre ouço os comentários da Mara luquet no inicio da tarde e gostaria de saber Qual o melhor título do tesouro direto para investir? Identificando o melhor título ele ainda é melhor que CDB ou poupança?
Um grande abraço





Quando a Taxa Selic aumentar eu devo vender minha aplicações no Tesouro?

10 de setembro de 2013

Fiz algumas aplicações este ano no tesouro direto, baseado no que os comentaristas econômicos informaram. Essas aplicações foram nos títulos LFT, aproveitando a alta da taxa de juros. Mas estou com uma dúvida. Devo vendê-los quando a taxa SELIC parar de subir ou devo mantê-los até o vencimento? Em qual dos dois cenários meu dinheiro renderá mais com essas aplicações? Tenho comprado todos os meses um pouquinho.





O que faço com meus apartamentos?

10 de setembro de 2013

Tenho três imóveis em São Paulo sendo dois alugados e um em vacância (o inquilino saiu faz um mês).
Um dos apartamentos está alugado por R$ 1.600 descontados IR e taxa de administração da imobiliária e o outro está alugado por R$ 650 descontados IR e taxa de administração. O aluguel do apartamento em vacância é de aproximadamente R$ 2.000 descontados IR + taxa de administração. Estou morando em um apartamento alugado e gosto de onde moro. Pago R$ 2.500,00 de aluguel (com condomínio e IPTU).

Minhas dúvidas são:
1ª alternativa: Vendo o imóvel em vacância por R$ 550 mil (tenho uma proposta real hoje nesse valor) e aplico no Tesouro Direto?
2ª alternativa: Continuo alugando o imóvel e recebo aproximadamente R$ 2.000 por mês?
3ª alternativa: Paro de pagar aluguel e moro no meu próprio apartamento? O que seria mais rentável?



Qual a estratégia devo adotar para aposentar com 55 anos?

10 de setembro de 2013

Trabalho desde os 20 anos de idade, hoje já estou com 32 anos e desde então contribuo com a previdência social. Minha renda atual é de 5 mil reais em CLT. Tenho uma empresa que me gera uma renda variável de 30 – 50 mil ano em média. Pretendo me aposentar aos 55 anos quando completo 35 anos de contribuição. Tenho um imóvel, não quitado, mas o valor do aluguel paga a parcela financiamento. Não tenho poupança, pois estou prestes a me casar e investi tudo que havia acumulado no apartamento que vou morar com a minha esposa que ainda não tem renda, mas o apartamento é próprio. Tenho apenas um título de capitalização simples. Qual a estratégia devo adotar para aposentar com 55 anos e manter uma renda tranquila para aproveitar e viver dessa renda? Meu perfil de investimento é conservador.







Posso aumentar o valor da aposentadoria do meu pai?

10 de setembro de 2013

Gostaria que me ajudassem com relação à aposentadoria do meu pai. Ele trabalhou por cerca de 21 anos no Banco Itaú e deixou o banco em um plano de demissão voluntária para montar um negócio com os amigos. Nos últimos doze anos em que atuou no banco, ele teve a função de gerente.

No entanto, todas as tentativas de montar um negócio foram mal sucedidas, e então ele viu-se tentado a aposentar-se mais cedo. Porém, nos cinco últimos anos de contribuição antes da aposentadoria ele estava com a renda comprometida, devido aos fracassos dos negócios que montou, acabou contribuindo para a previdência com um pouco mais do que o valor mínimo de contribuição, e por isso, aposentou-se ganhando um pouco mais que um salário mínimo.

Faz cerca de 10 anos que ele se aposentou. Gostaria de saber se é possível fazermos a contribuição ao INSS com um valor maior de contribuição em nome dele, por alguns anos, para que ele tenha a possibilidade de receber um pouco mais de pensão como aposentado. Não acho justo, no caso dele, que durante quase toda a carreira contribuiu com o teto de contribuição do INSS, tenha sido penalizado pelos últimos cinco anos que contribuiu.

Detalhe: ele não sabia na época que para efeito de cálculo, os últimos cinco anos de contribuição seriam imprescindíveis para o cálculo. O que ele recebe hoje não dá nem para pagar o convênio médico, cerca de R$ 740,00.



Tenho 52 anos de idade e 35 de contribuição. Posso pedir minha aposentadoria?

10 de setembro de 2013

Tenho 52 anos de idade e 35 anos e 6 meses de contribuicão, sempre trabalhei na iniciativa privada em industria do Polo Industrial de Manaus e nos ultimos 25 anos contribui sempre com o teto maximo da previdencia social. Quando posso requerer minha aposentadoria? E qual o valor que receberia se aposentasse agora?



Posso pagar as contribuições atrasadas como autônomo?

10 de setembro de 2013

Trabalho desde os 18 anos, mas em alguns intervalos, entre um emprego e outro, não contribui para a Previdência Oficial. -Posso agora, aos 49 anos, pagar estes intervalos atrasados como autônomo, e assim aposentar aos 60 anos por “tempo de trabalho” ?



Close
FAZER PERGUNTA <
x

Ops!

Fazer uma pergunta é exclusivo para cadastrados (duas perguntas) e assinantes (perguntas ilimitadas).

CADASTRE-SE E FAÇA 2 PERGUNTAS ASSINE E FAÇA PERGUNTAS ILIMITADAS