Tenho tantas dívidas que não sei nem por onde começar... Me ajudem, por favor.
Oi, Vagner!

Primeiro de tudo: calma.
A primeira coisa que você precisa fazer é colocar tudo na ponta do lápis. Anota o quanto você gasta por mês e já vê de onde você poderia cortar pra economizar.
Você vai anotar também todas as suas dívidas. Repara na taxa de juros de cada uma. Soma tudo.
Aí você vai pensar como fazer pra diminuir essa dívida. Tem algum bem que você possa vender pra abater pelo menos uma parte, mesmo que pequena? Às vezes vale um sacrifício, como ficar sem carro por um tempo, pra tirar a corda do pescoço.
Enfim, com isso tudo na mão, você deve ir atrás de um novo financiamento, mas com uma taxa de juros menor do que a que você paga hoje. Uma boa dica é procurar cooperativas de crédito. Elas costumam ter taxas mais em conta.
Você tem que prestar muita atenção ao valor da taxa de juros: você tem trocar por uma dívida mais barata, ou seja, com a taxa menor. E tem que ficar ligado também no valor da prestação. Não adianta ser uma prestação que não cabe no seu bolso, senão você vai se enrolar de novo. O ideal é que essa prestação não comprometa mais do que 30, 35% da sua renda líquida.
Conta com a equipe do Letras & Lucros pra te ajudar nessa! Tem que ter disciplina!
Boa sorte!
Grande abraço