Em mais um dia de disparada, o dólar abriu a semana batendo R$4,15. No fim do dia, a alta desacelerou, mas a moeda americana valia R$4,14. O movimento ainda é reflexo de incertezas no cenário internacional, além de novas declarações do presidente Jair Bolsonaro. O yuan, moeda chinesa, voltou a cair hoje e atingir o patamar de maior desvalorização desde 2008. No noticiário corporativo o grande destaque positivo ficou com a Cielo, que anunciou hoje a abertura, em breve, de um banco digital. Entre as maiores quedas do dia, o BTG Pactual fechou o dia com perda de quase 20% no valor dos papéis. O banco é investigado por ter feito parte de um esquema de lavagem de dinheiro.

– Ibovespa: 96.429 / -1,27%
– Dólar: R$4,14 / +0,36%
– Energias: R$ 19,29 / +1,10%
– Cielo: R$ 7,30 / +0,83%
– JBS: R$ 27,73 / +0,29%
– MRV: R$ 17,65 / -5,77%
– Qualicorp: R$ 28,07 / -5,49%
– Via Varejo: R$ 6,48 / -4,57%