Dúvidas sobre finanças pessoais! Você tem?

Posso pagar 15 anos de uma vez?

4 de maio de 2015

Bom dia!
Minha mãe é dona de casa e hoje tem 65 anos. Meu pai tinha bons rendimentos porém, com a desvalorização do salário dos aposentados, seus rendimentos vêm caindo ao longo do tempo. Eles possuem muitos gastos relacionados à remédios, etc. Como nunca pagamos previdência para minha mãe, eu gostaria de saber se existe a possibilidade de pagarmos de uma só vez estes 15 anos de carência para ela poder se aposentar. Você sabe me dizer qual seria o valor? E também gostaria de saber: se ela conseguir a aposentadoria, ela perderia o direito à uma possível pensão por falecimento de meu pai? Desde já agradeço!



Não tenho como pagar a dívida do cartão

2 de maio de 2015

Tenho uma divida de cartão de crédito, inicialmente era de 7.500, mas agora está mais de 12.000 e não tenho como pagar no momento. Já pensei em ligar para a operadora do cartão para tentar renegociar a dívida, porque o juros vêm 1.000 reais todo mês e assim nunca vou conseguir pagar. Gostaria de saber o que fazer? Alguém tem alguma dica pra mim?



Dívida de cheque especial caduca?

1 de maio de 2015

Tenho alguns cheques sem fundos. Gostaria de saber se esses cheques caducam com mais de 5 anos, e se a dívida do cheque especial também caduca?
No aguardo, obrigado.



Vale a pena pagar atrasados?

18 de abril de 2015

Prezada Mara,
Gostaria de uma orientação, tenho hoje 55 anos, comecei a contribuir pelo INSS de abril de 2010 a maio de 2011 e não mais contribui até agora. Pergunto? Posso fazer o pagamento das contribuições em atraso? Vale a pena?



Onde guardar a reserva para aposentadoria?

18 de abril de 2015

Me aposentei do INSS mas continuo por mais 10 anos no Banco do Brasil para ter direito à Previ, estou na dúvida onde investir a aposentadoria, e um pouco que tinha do FGTS, em LTN, LCI, poupança?, contribuir um pouco mais com Previ? Melhor dividir um pouco em cada coisa? Por favor me aconselhe.
.



Posso contribuir pelo mínimo?

16 de abril de 2015

Tenho 53 anos. Durante 330 meses (entre 02/1987 e 09/2014) contribuí como empregado pelo teto da previdência. Ao deixar o emprego passei a pagar o INSS como facultativo (1406) com valor mínimo de contribuição (R$ 157,60). Quando completar 65 anos terei 35 anos e 2 meses de contribuição. Nestes 7 anos que faltam (praticamente 20% das contribuições) posso fazê-lo pelo valor mínimo, sem prejuízo à aposentadoria integral, tendo em vista que o cálculo é feito pela média das 80 maiores contribuições a partir de 1994?



Tempo de contribuição

30 de março de 2015

Olá,
Minha avó possui 61 anos e nunca trabalhou de carteira assinada, consequentemente nunca pagou contribuição, qual as necessidades para que haja uma aposentadoria da mesma?



O cálculo do benefício é feito com base nos últimos anos de contribuição?

23 de março de 2015

Boa noite !
Tenho 41 anos de idade e 24 de contribuição com salários variando de R$ 850 a R$ 3.000 no momento sou contribuinte individual 1007, pagando 20% do salário mínimo, para me aposentar com 2 salários mínimos com 30 anos de contribuição e 50 anos de idade, preciso contribuir com quanto e a partir de quando começa a fazer a contagem para aposentadoria ? Ouvir falar que o cálculo é feito somente com os valores contribuídos dos últimos 3 anos para completar 30 anos. Que não é viável pagar a mais agora.

Agradeço a atenção.

Vilma Queiroz











Close
FAZER PERGUNTA <
x

Ops!

Fazer uma pergunta é exclusivo para cadastrados (duas perguntas) e assinantes (perguntas ilimitadas).

CADASTRE-SE E FAÇA 2 PERGUNTAS ASSINE E FAÇA PERGUNTAS ILIMITADAS