Olá Mara, Boa tarde! Quero tirar uma dúvida sobre tesouro direto. Eu venho fazendo investimento no Tesouro de pequenos valores desde 2015. Comprei um LTN Fixado 2018, IPCA +2019 penso a longo prazo quero levar até o final. Porém, apliquei maior parte da minha renda 6.000,00 no tesouro Selic. Mas, não pretendo levar todo, pois eu me casei no civil e estamos poupando para comprar a casa. Eu tenho ainda um dinheiro na poupança que eu não sei se invisto na TD Selic e depois resgato tudo junto ou se continuo na poupança. Tenho medo de perder dinheiro por causa do IR. Até agora temos 40.00,00 poupados e ainda queremos juntar mais e pegar nosso fundo de garantia para dar uma boa entrada e financiar o restante. Mas, o prazo que temos e curto. Temos que fazer isso até ano que vem. Meu marido está pensando em colocar todo dinheiro em um CDI do banco do Bradesco, eu prefiro investir tudo no TD Selic, mas fico com medo de perdemos muito dinheiro ao fazermos o resgate. Qual sua orientação de melhor investimento para realizarmos esse sonho.

Flávia,

De acordo com explicação de José Domingos Ruiz Neto, diretor da área comercial da Spinelli Corretora, você precisa ter bastante atenção aos prazos, pois tanto no CDB quanto do Tesouro Direto existe incidência de IOF para aplicações com prazo inferior a 30 dias.

"Se o prazo for maior que 30 dias normalmente a melhor alternativa dentre as 3 mencionadas por você é o Tesouro Selic. Isso porque normalmente os grandes bancos, como é o caso do Bradesco, pagam um rendimento inferior ao CDI para pequenas quantias", disse Ruiz Neto.

No Tesouro o rendimento é igual para qualquer valor. A poupança, entre as 3 alternativas apresentadas, deve ter o menor rendimento. "Importante mencionar que você não informou a taxa que o Banco vai pagar no CDB e assumi que seria abaixo do CDI dado o valor informado", observou.