Parece que é só a gente comprar a passagem, que o bendito dólar resolve subir. Mas não adianta arrancar os cabelos agora… O jeito é tentar economizar de alguma maneira. Veja as orientações da equipe do Letras & Lucros.

A primeira dica é…  pesquisar!

No site do próprio Banco Central tem uma página (www.bcb.gov.br/rex/vet/) que mostra as corretoras e as casas de câmbio que cobraram o menor preço pelo dólar nos últimos meses. O valor que aparece é chamado de VET (valor efetivo total) e já inclui IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) e eventuais taxas extras. Agora… atenção: o ranking divulgado pelo BC é um retrato do passado. As cotações mudam a cada minuto, mas você pode usar os dados pra ligar paras as corretoras e ver qual está com o menor preço. Ah! E evite comprar nas casas de câmbio do aeroporto – costuma ser bem mais caro.

 

Dê preferência para o dinheiro em espécie

Não tem como escapar do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras). Mas se você comprar moeda estrangeira em espécie, vai pagar uma alíquota muito menor. Olha só: em dinheiro vivo, você tem que pagar um imposto de 1,1% em relação ao valor total. Já se você resolver colocar dólar em um cartão pré-pago, o IOF cobrado vai ser bem maior: 6,38%.

Mas atenção: só pode sair do Brasil, no máximo, com o equivalente a 10.000,00 reais – o que daria 2.325 dólares supondo uma cotação de R$ 4,30 para o dólar turismo. Mais do que isso tem que declarar para a Receita Federal.

 

Fuja do cartão de crédito

No cartão de crédito, o imposto também é de 6,38%. E tem mais: você não sabe exatamente quanto vai pagar por aquele produto ou serviço em real já que a cotação que vai ser considerada vai ser a do dia do pagamento da fatura. Então, é uma caixinha de surpresas, muitas vezes, bem desagradável.

O melhor mesmo é se programar e comprar a moeda antes de embarcar. Assim você também evita a Tensão Pós-Férias, quando a diversão acaba e sobram só as contas.

 

Compre aos poucos

O valor do dólar varia mesmo, não tem jeito. E é muito difícil adivinhar qual a melhor hora pra comprar. Uma dica que os especialistas dão é que você compre um pouquinho de cada vez. Assim, você garante uma cotação média da moeda estrangeira.

 

E depois de tudo isso, por favor, aproveite MUITO  a sua viagem. =)

 

CONTINUAR LENDO
1 0